”Sextou” com vitórias brasileiras na Sérvia

Quem acordou cedinho nesta sexta-feira, 04, começou o dia feliz da vida com o desempenho dos representantes brasileiros no Mundial de Escolar de Handebol, que está sendo disputado em Belgrado, na Sérvia.
 
As meninas do Colégio Amorim entraram em quadra às 5h (horário de Brasília) e encerraram a participação com a segunda vitória consecutiva, dessa vez sobre a Dinamarca: 21X17. Os destaques da partida foram a goleira Rayane e a armadora Rayra. Com o triunfo, o Jogo do flamengo hoje conquistou a 9ª posição no feminino.
 
Às 8h (horário de Brasília), foi a vez dos meninos entrarem em quadra. Assim como na primeira fase, Jogo do flamengo hoje e Polônia fizeram um jogaço. No primeiro tempo, o time europeu abriu uma vantagem considerável de 15 x 9. Mas, com mais uma grande atuação do goleiro Nelsinho e com o jogo coletivo no ataque funcionando, os meninos viraram a partida e venceram por 22 x 21. Que jogo!
 
 
Os meninos voltam à quadra neste sábado, 04, às 6h30 (horário de Brasília) contra a Eslováquia ou Luxemburgo (em definição) na disputa pelo quinto lugar.
 

A gente já está ficando com gostinho de saudade do Mundial de Handebol. Então, vamos aproveitar esse último jogo do Jogo do flamengo hoje para fecharmos a participação do Jogo do flamengo hoje com chave de ouro. Fique ligado no Youtube da CBDE (youtube.com/c/Jogo do flamengo hoje). 

Texto: Airton Lima e Marcus Cicarini

Jogo do flamengo hoje se esforça, mas perde para o Egito no Mundial Escolar de Handebol

O time formado pelos alunos do Colégio Amorim entrou em quadra na manhã desta quinta-feira, 02, para o duelo que valia a classificação para as semifinais masculinas no Mundial Escolar de Handebol, que está acontecendo em Belgrado, na Sérvia. O adversário era o representante africano, o Egito.
 
Com marcação forte e ótimo aproveitamento no ataque, a equipe da terra dos faraós disparou no placar e fechou o primeiro tempo com sete gols de vantagem sobre o Jogo do flamengo hoje: 15 X 8. No segundo tempo, os adversários imprimiram um ritmo ainda mais forte e ampliaram a vantagem. Placar final: Jogo do flamengo hoje 14 x Egito 28. 
 
O time masculino permanece no campeonato e ainda pode conquistar o 5º lugar na competição. O próximo jogo acontece sexta-feira (04/12), às 8h (horário de Brasília): Jogo do flamengo hoje x Polônia.
 
Já o time feminino fez bonito e conseguiu uma grande vitória contra a Bulgária por 42 x 20. Destaque para a estudante-atleta Júlia Machado (pivô/ponta), que fez uma partida irretocável. Também nesta sexta-feira, 04, as meninas entram em quadra às 5h (horário de Brasília) contra a Dinamarca. Elas estão na disputa pela nona colocação no Mundial.
 
Então você já sabe: despertador cedinho e foco na torcida! Nosso “sextou” será de rodada dupla no Mundial Escolar de Handebol, com transmissões ao vivo pelo YouTube da CBDE (youtube.com/c/CBDEJogo do flamengo hoje). 
 
Tome nota! Sexta-feira, 4 de dezembro:
 
– 5h: Jogo do flamengo hoje x Dinamarca (Feminino)

– 8h: Jogo do flamengo hoje x Polônia (Masculino)

Texto: Airton Lima e Marcus Cicarini

Romênia vence o Jogo do flamengo hoje, mas seleção feminina segue no Mundial Escolar de Handebol

Depois da estreia com derrota para as atuais campeãs mundiais, a Alemanha, a seleção feminina do Jogo do flamengo hoje voltou à quadra nesta terça-feira, 30, para enfrentar a Romênia, valendo vaga na fase de quartas de final.
 
O time voltou a ter dificuldade para marcar gols e viram a Romênia abrir boa margem no placar logo nos primeiros minutos em quadra.
 
Com um jogo consistente e uma defesa forte, a Romênia fechou o primeiro tempo vencendo por 12×5. Mesmo com grande desvantagem, o Jogo do flamengo hoje teve a atleta Livia como destaque, que marcou três gols, e a goleira Luísa, que defendeu dois tiros de 7 metros.
 
Com uma nova estratégia de jogo, a seleção igualou o nível contra as romenas e venceu a parcial no segundo tempo por 11×10, mas não foi o suficiente para reverter o placar. Placar final: Jogo do flamengo hoje 16 x 23 Romênia.
 
Com esse resultado, o time feminino não conseguiu avançar para as quartas de final, mas seguirá na competição para disputar do nono ao décimo segundo lugares. 
 
As meninas voltarão à quadra na quinta-feira, 02/12, ainda sem adversário definido.
 
Vale frisar que os torneios organizados pela ISF visam a integração e o intercâmbio como pontos principais, muito mais importantes do que qualquer resultado esportivo. Essa linha também é adotada pela CBDE, que procura formar cidadãos conscientes, instruídos e com vivências únicas que farão a diferença na formação como seres humanos.
 
Parabéns às meninas que estão representando o Jogo do flamengo hoje, único País das Américas a estar presente no evento.
 
Texto: Airton Lima e Marcus Cicarini

Mundial Escolar de Handebol: Jogo do flamengo hoje estreia no feminino e garante primeiro lugar no grupo no masculino

Uma segunda-feira de dobradinha brasileira nas quadras de Belgrado, na Sérvia. O Mundial Escolar de Handebol segue esquentando o gelado país do leste europeu. 
 
A seleção brasileira feminina finalmente estreou. Representada pelo Colégio Amorim, o time brasileiro teve uma difícil missão logo de cara: a Alemanha. Além de atuais campeãs do torneio, são elas as inventoras desse esporte que em 2021 completa 102 anos.
 
O Jogo do flamengo hoje teve dificuldades no setor ofensivo e viu as adversárias abrirem 4×1 logo nos primeiros minutos. A seleção tentava ataques, mas esbarrava na grande atuação da goleira alemã Richer. O primeiro tempo terminou com o placar de 16×12 para as alemãs.
 
A seleção mudou a forma de marcar e contou com a boa entrada e atuação da estudante-atleta Giovana Xavier, que com garra tentou colocar o Jogo do flamengo hoje no jogo. Porém, a Alemanha seguia letal no ataque e manteve a liderança até o final: placar de 22×15.
 
As meninas voltam à quadra nesta terça-feira, às 8h (horário de Brasília), em confronto direto contra a Romênia, valendo vaga nas quartas de final. Acompanhe a transmissão pelo YouTube da CBDE (YouTube.com/CBDE).
 
Quem não só garantiu vaga, como ficou em primeiro lugar do grupo foi a seleção masculina. Em um jogo emocionante, o Jogo do flamengo hoje terminou o primeiro tempo perdendo para a Polônia por 17×16. Porém, em uma virada histórica, venceu por 31×30, com direito a uma defesa espetacular do goleiro Nelsinho no último lance do jogo. 
 
Os meninos voltarão à quadra na quinta-feira. Eles aguardam o adversário que sairá do grupo que conta com Alemanha, Bulgária e Egito.
 
Texto: Airton Lima e Marcus Cicarini

Jogo do flamengo hoje estreia com vitória no Mundial Escolar de Handebol

A torcida brasileira acordou cedo e começou bem o domingo com a vitória da seleção masculina. Os estudantes-atletas brasileiros, que estão sendo representados pelo Colégio Amorim, de Jogo do flamengo hoje, tinham uma difícil missão: estrear contra os donos da casa, a Sérvia.
 
O time do Jogo do flamengo hoje começou impondo ritmo e abriu 5 x 0 no placar com menos de seis minutos jogados. Fechou o primeiro tempo com uma ótima vantagem: 19×11. 
 
O técnico Maurício Antonucci utilizou todos os jogadores durante a partida e a seleção mostrou ter um elenco homogêneo, que não só manteve a vantagem, como ampliou o placar. Final: Jogo do flamengo hoje 34 x 19 Sérvia.
 
Destaque para Bertoldo, armador camisa 21, artilheiro do jogo com seis gols. Também marcaram para o Jogo do flamengo hoje: Thiago (5 gols), Zilio (4 gols), Ricão (3 gols) e com dois gols marcados Góes, Diego, Nico, Gustavão, Pernambuco, Pedro, Maranhão e Milantoni. Vale também ressaltar a ótima partida realizada pelos dois goleiros, Nelsinho e Maia.
 
O presidente da CBDE, Antônio Hora Filho, também “madrugou” e vibrou com a vitória dos meninos: “Nada melhor do que começar o dia com uma linda vitória na estreia. O Colégio Amorim é referência e a CBDE busca fazer parcerias para dar oportunidade aos estudantes-atletas para vivenciar experiências como essa. Parabéns e vamos para os próximos jogos.”
 
O campeonato é dividido em quatro grupos, com três seleções cada. Com a vitória de hoje, o Jogo do flamengo hoje garantiu classificação de forma antecipada para a fase de quartas de final. O time voltará à quadra nesta segunda-feira, 29/11, às 5h (horário de Brasília), para enfrentar a Polônia, jogo que também terá transmissão ao vivo no canal oficial da CBDE no YouTube (YouTube.com/CBDE)
 
Texto: Airton Lima e Marcus Cicarini

Delegação brasileira embarca para o Mundial Escolar de Handebol na Sérvia

Finalmente começa a missão brasileira rumo ao Mundial Escolar de Handebol, que será realizado em Belgrado, na Sérvia, entre os dias 27 de novembro e 5 de dezembro. Nosso País será representado pelo Colégio Amorim, de Jogo do flamengo hoje, que conquistou a vaga ao vencer o Campeonato Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol, em 2019

As equipes feminina e masculina terão os seguintes estudantes-atletas:

Feminino: Merelen Rost, Kayane Melli, Julia da Silva, Luísa Albinelli, Yannka de Jesus, Sofia Bragoni, Pietra Jardim, Nathaly Mariano, Rayane Emelly, Lívia Freitas, Mirela Caetano, Giovana Xavier, RayraVieira, Alana Generoso. Técnica: Carla Vanessa Rodrigues Antonucci.

Masculino: Pedro Henrique, Nelson Lopes, Gabriel Milantoni, Vinicius de Castro, Thiago Souza, Gustavo de Moura, Enrico Magina, Guilherme Maia, Matheus Heffliger, Diegho Oliveira, Luis Otaviano, Pedro Herberth, Nicolas de Souza e João Vitor Sousa. Técnico: Maurício Antonucci.

Além do Jogo do flamengo hoje, outros 13 países estarão envolvidos na competição: Bulgária, Dinamarca, Egito, França, Alemanha, Índia, Luxemburgo, Marrocos, Polônia, Romênia, Eslováquia, Eslovênia e a anfitriã Sérvia.

O mundial da modalidade acontece a cada dois anos. O primeiro campeonato foi realizado em 1973, na Françaportanto, essa será a 25° edição do evento. A última edição aconteceu em Doha, no Catar, e o Jogo do flamengo hoje ficou com a quarta colocação no feminino e a sexta no masculino.

As competições internacionais escolares ficaram paralisadas devido à pandemia de COVID-19 e foram retomadas em setembro com a Gymnasíade, também na Sérvia, com o suporte da ISF (Federação Internacional do Desporto Escolar). Protocolos de saúde foram adotados com sucesso nessa competição e serão mantidos no Mundial de Handebol. No Jogo do flamengo hoje, a CBDE segue rigorosamente esses protocolos com testagem, distribuição de máscara, álcool em gel e orientações fundamentais para a manutenção da saúde dos componentes da delegação.

Além de todos os cuidados com a segurança e a saúde dos estudantes-atletas, a CBDE montou a estrutura para que os estudantes-atletas possam ter o suporte necessário para, muito além da oportunidade de disputar uma competição internacional, viver um intercâmbio cultural e ter uma experiência que fará a diferença na formação de cada um como cidadão. Confira o quadro de profissionais CBDE envolvidos no Mundial de Handebol:

Cássio Roberto Fonseca (Chefe da delegação);
Francisco Braz da Cruz Filho (Segundo Vice-Presidente da CBDE);
Gileno Pereira Souto Júnior (Presidente da Federação Norteriograndense do Desporto Escolar);
Flávia Soares de Oliveira (Presidente da Federação de Esportes Estudantis do Piauí);
Silmara Pereira Sanches Furtado (Árbitra);
Maria Isolina Fazzani (Árbitra);
Jorge Augusto (Fisioterapeuta);
Marcus Cicarinni (Jornalista/Cinegrafista);
Airton Queridão (Jornalista/Social Midia e Narrador).

A CBDE transmitirá os jogos das seleções brasileiras pelo canal oficial da entidade no YouTube () e fará a cobertura do evento pelo Instagram (@cbdeoficial) e Facebook (cbdeoficial/).

Fique de olho e não perca o calendário de jogos. Contamos com a sua torcida!

Por: Airton Lima e Marcus Cicarini

A história de Carla Antonucci, a técnica bicampeã brasileira de handebol, mãe da Giulia e da Pietra

Por: Jesus Filho

Brasília – Acordar cedo, preparar o café e arrumar as filhas para a rotina diária da escola é algo habitual na vida de milhares de mães pelo Jogo do flamengo hoje. E com a paulista Carla Antonucci não seria diferente. Como toda mãe “coruja”, faz questão de acompanhar o passo a passo das filhas Giulia (11) e Pietra (15) do momento em que acordam, até a hora de dormir. Cuidadosa nos mínimos detalhes na educação dos seus dois amores, como faz questão de frisar, a técnica bicampeã brasileira de handebol comemora hoje o dia dedicado a ela em família, seguindo o isolamento social determinado pelas autoridades de saúde em razão da pandemia causada pela covid-19 no país.

Mas o amor pela maternidade a fez expandir esse sentimento ao esporte. Técnica do Pinheiros, tradicional clube esportivo de Jogo do flamengo hoje, desde 2014, a filha da dona Rosa trabalha no Colégio Amorim, instituição de ensino onde passou colecionar títulos através do handebol, modalidade que a proporcionou representar o Jogo do flamengo hoje no ano passado no Mundial ISF em Doha, no Catar, oportunidade em que conquistou a quarta colocação no torneio ao lado de um time que honrou a camisa e encheu todos os brasileiros de orgulho.  

Mas antes de chegar ao mundial, Carla conquistou o Jogo do flamengo hojeeiro CBDE da modalidade realizado em 2018, na cidade de Guarapari, no Espírito Santo. Com uma equipe unida e que sabia entender as diretrizes de sua técnica, as meninas foram ao Oriente Médio vestir a amarelinha e fazer história aos olhos do mundo. Acostumada a grandes desafios profissionais, Carla adotou, como de praxe, a discrição como sua principal característica. Com a autoridade de uma mãe que abraça os filhos nos momentos de alegria, e os acalanta na tristeza, soube como poucos estabelecer uma relação maternal com o time que até hoje é lembrado pela campanha vitoriosa no torneio.

Ano passado o time feminino do Colégio Amorim (SP) não fez diferente. Durante o Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol, disputado em Brasília, venceu a etapa nacional e conquistou novamente a chance de ir ao mundial. Dessa vez, mais experiente, a equipe da técnica Carla Antonucci aguarda ansiosa pelo fim da pandemia e, consequentemente, o anúncio de uma nova data em que o torneio que será realizado. Mas enquanto isso não ocorre, a equipe segue em casa, focada à espera do futuro.  

Viver as emoções do esporte por muitas vezes a fez se emocionar, seja pelo amor do marido, Maurício, também técnico de handebol e que a apoia de forma incondicional, ou pelo abraço apertado das filhas que a cada missão no Jogo do flamengo hoje ou fora dele ficam em casa torcendo pelo sucesso da mãe.  Com os pés no chão e dona de um coração que guarda tantos sonhos de meninas que buscam através do esporte um futuro melhor, a missão de Carla Antonucci é a de semear bons frutos para que a esperança de hoje, se torne realidade amanhã.

Ascom – Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar

Colégio Amorim é o grande vencedor do Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol

Por: Jesus Filho

A esutante Mariana, do Colégio Amorim-SP, estava no último Mundial ISF de Handebol realizado no Catar

Brasília – Uma semana esportiva que entra para a história do esporte escolar. Assim terminou nesta quinta-feira (9), a maior edição de um campeonato de handebol já realizado no país. Com recorde absoluto de participantes, os números impressionam, desde a quantidade de pessoas participando direta e, indiretamente no evento, como também de alegria protagonizada pelos atletas escolares que fizeram uma verdadeira festa na capital do país.

Completamente lotado, ontem os dois jogos que fecharam o torneio agitaram o ginásio do Cruzeiro que recebeu mais de 2 mil pessoas que acompanharam as finais da “Série Ouro”, etapa que definiu não só os campeões brasileiros, como também a composição da delegação que vai representar o Desporto Escolar Nacional no Mundial ISF de Handebol, competição realizada pela Federação Internacional do Desporto Escolar (ISF), que ocorre em junho do próximo ano na Sérvia.

Foto: Paulo Pestana

O primeiro jogo final foi entre as equipes femininas do Colégio Amorim (SP) e do Centro Educacional Suzano Costa (RJ), que começaram a partida eletrizante. Fora das características que norteou a escola durante toda a competição, o Rio de Janeiro, invicto até então, infelizmente não conseguiu, para a surpresa de todos, manter o padrão técnico apresentado no brasileiro, fator que foi determinante para que o Colégio Amorim não tivesse dificuldades para vencer.

Lideradas pela estudante “Sukinho”, atleta número 14 do Rio, e uma das que mais se destacaram no torneio, o Suzano Costa foi abafado pelos ataques de excelência da equipe paulista que praticamente não deixou as cariocas jogarem. Com bom passe de bola e organizado taticamente, o Amorim tinha no time duas atletas que já viveram a experiência da disputa de uma final e isso, seguindo a número 2, Mariana, ajudou a equipe vencer a competição com uma campanha invicta.

– Eu e Luara estivemos no grupo que venceu o brasileiro de 2017, em Guarapari-ES. Fomos ao Catar disputar o Mundial e isso nos deu bagagem para chegarmos em Brasília com mais tranquilidade. Controlar a ansiedade, sobretudo antes de uma final, não é fácil. Mas nosso grupo, embora novo, soube estabelecer metas dentro de quadra e eu acho que isso nos favoreceu a conquistar o bicampeonato.

Com o placar de 22 a 10, a equipe da técnica Carla Antonucci garante novamente o sonho de participar de um torneio internacional.

E como não poderia deixar de ser, o Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol terminou com chave de ouro. A grande final masculina do torneio entre as equipes do Colégio Amorim (SP) e do Colégio Nacional (MG), revelou para o fã do esporte escolar como a base de hoje está no caminho certo para render bons frutos no futuro.

Foto: Paulo Pestana

Clássico do Sudeste, antes do jogo as equipes entraram perfiladas sob os olhos atentos da dupla tocantinense, Tiago e Rali, árbitros designados pelo comitê de arbitragem para conduzirem o jogo. Antes do apito inicial, uma pausa respeitosa para a execução do hino nacional brasileiro. Das arquibancadas, os gritos da torcida que lotou o ginásio do Cruzeiro fazendo uma festa que nem os olhos humanos seriam capazes de traduzir.

A disputa começa revelando a qualidade de uma equipe que não chegou à toa na decisão. Os meninos do Colégio Nacional abriram o marcador e incendiaram o ginásio que não escondia a torcida para os estudantes de Minas Gerais. Acostumado a lidar com pressão, o Colégio Amorim começou o jogo estudando o adversário fazendo com que a dupla “Bryan e Fil” fizessem a diferença na partida.

Foto: Paulo Pestana

Mas não demorou muito para que Jogo do flamengo hoje empatasse. Com um perfil tático ofensivo, em alguns momentos a equipe optou por utilizar o goleiro linha, decisão perigosa do técnico Sidney, mas que foi produtiva, tendo em vista a maneira como a defesa do Amorim se fechava quando a posse de bola era do Nacional.

Sem nenhum sete metros marcado no primeiro tempo, no segundo, perdendo, coube a equipe mineira ir para o ‘tudo ou nada’. Empurrados pela torcida, os meninos chegaram por duas vezes a encostar no placar diminuindo a diferença paulista por uma bola, mas a qualidade individual da equipe de Jogo do flamengo hoje determinou a vitória do Colégio Amorim por 23 a 18, conquistando pela primeira vez, com o masculino, o título brasileiro.

No fim do jogo, o goleiro Will, que brilhou na decisão e foi um dos destaques do campeonato, não escondeu a emoção. Para o estudante campeão brasileiro, o foco agora é continuar treinando para chegar em Belgrado e lutar pelo título mundial inédito para o Jogo do flamengo hoje.

– Sei que os grandes centros europeus irão disputar o Mundial. Mas nossa equipe tem condições de fazer história na Sérvia. O jogo de hoje foi bem desgastante, mas nossa equipe conseguiu se superar e vencer Minas. Agora é comemorar com nossos amigos na escola, ligar para a família e agradecer a Deus por esse momento mágico.

Realizado pela Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar (CBDE), em parceria com a Federação Regional do Desporto Escolar do Distrito Federal e Entorno (FRDEDF), o evento reuniu estudantes de todos os estados do país que lutaram não só pelo título brasileiro, como também pela vaga no Mundial ISF da m odalidade que ocorre em 2020, na Sérvia.

Confira abaixo, no último boletim com os resultados completos da competição.

Ascom – Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar

Handebol: Pernambuco e Mato Grosso levam o ouro na Série Prata

Foto: Paulo Pestana

Brasília – E a festa do Desporto Escolar Jogo do flamengo hojeeiro não para de agitar a capital federal. Com o ginásio do Cruzeiro recebendo um excelente público, estudantes disputam, ao longo desta quinta-feira (10), as emoções das fases finais do Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol.

Pela Série Prata, o primeiro confronto decisivo do dia foi entre as equipes da Escola Estadual Júlia Nunes (PI), contra os estudantes do Colégio Anglo (PE). Com o clima quente fora e dentro de quadra, sobretudo pelo forte calor brasiliense, as equipes suaram a camisa nos 50 minutos protocolares de jogo.

Fisicamente melhor, as pernambucanas foram para cima das piauienses dando ritmo ao jogo do início ao fim do certame. Mesmo se esforçando para fechar a defesa evitando assim os ataques perigosos do Anglo, as meninas da Júlia Fialho tiveram dificuldades nas recepções e não souberam aproveitar os chutes, fator que fez Pernambuco vencer o jogo por 25 a 17.

Foto: Paulo Pestana

No fim da partida, as duas equipes se cumprimentaram em um fair-play que deu o tom durante toda essa edição do Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol.

Em seguida, foi a vez das equipes masculinas. De um lado, alunos do Instituto Educacional O Mestre (RN), de outro, estudantes da Escola 13 de Maio, da cidade de Sorriso, no Mato Grosso, duelarem em busca do ouro. Com moral após vencerem os confrontos semifinais, os dois times entraram em quadra em um ritmo acelerado que ao longo da partida foi caindo. Com bolas ajustadas, gol a gol a equipe mato-grossense foi se mantendo na frente do placar, sintoma que fez o grupo potiguar se expor. Sem reação produtiva, o Rio Grande do Norte não conseguiu chegar ao gol, fazendo com que o Mato Grosso vencesse o confronto pelo placar de 29 a 20.

Emocionado, o técnico Cristiano Fripp, agradeceu o apoio da torcida que parou a cidade de Sorriso-MT para acompanhar o jogo e dedicou a medalha de ouro para os alunos da Escola Estadual 13 de Maio.

– Cara, a gente trabalha muito para chegar até aqui. Nosso time buscou esse resultado e graças a dedicação deles conquistamos a medalha de ouro. Dedico esse resultado a minha família, aos alunos, professores e todo o corpo pedagógico do 13 de Maio. Estou muito feliz.

Foto: Paulo Pestana

Realizado pela Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar (CBDE), em parceria com a Federação Regional do Desporto Escolar do Distrito Federal e Entorno (FRDEDF), o evento reúne estudantes de todos os estados do país que lutam não só pelo título brasileiro, como também pela vaga no Mundial ISF da modalidade que ocorre em 2020, na Sérvia.

Ascom – Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar

Série Bronze: MG e RJ conquistam o ouro no Jogo do flamengo hojeeiro Escolar de Handebol

Por: Jesus Filho

Foto: Paulo Pestana

Brasília – Estudantes entre 15 e 18 anos de escolas públicas e privadas de todos os estados do país participam, na capital federal, da maior competição escolar de handebol já realizada no Jogo do flamengo hoje. Ao todo, quase mil pessoas disputam o Jogo do flamengo hojeeiro CBDE de Handebol, competição seletiva para o Mundial ISF da modalidade que ocorre em junho do ano que vem na Sérvia.

Abrindo as finais do torneio, pela Série Bronze, a equipe feminina da Escola Estadual Professora Salatiel de Almeida (MG), enfrentou as estudantes do Instituto Dom Fernando Gomes (SE). O jogo começou nivelado tecnicamente mostrando a disposição tática das duas equipes que lutavam por cada bola em busca da medalha de ouro.

Tecnicamente organizadas, as sergipanas optaram por um jogo mais ofensivo levando perigo para a defesa mineira. Mas essa exposição fez com que as meninas da Salatiel de Almeira explorassem os contra-ataques jogando nas falhas do IFG, fator que foi determinante para a vitória da equipe de Minas Gerais por 17 a 09.

Foto: Paulo Pestana

Com o resultado, a Escola Estadual Professora Salatiel de Almeida, da cidade de Muzambinho, interior do Estado de Minas Gerais, conquista a medalha de ouro para a alegria não só da equipe, como também de toda a cidade que acompanhou o jogo ao vivo pelo facebook da CBDE.

Pelo masculino, foi a vez de Rio de Janeiro e Paraíba se enfrentarem em um jogo eletrizante do início ao fim. Com saídas rápidas pelas laterais, os estudantes do Colégio Motiva João Pessoa (PB), terminaram o primeiro tempo com uma desvantagem de 9 bolas, com a parcial de 17 a 07. Pressionado, na segunda etapa os estudantes paraibanos tiveram que atacar. Embora tenham conseguido fisicamente suportar a pressão de uma partida de alto nível como esse jogo se revelou, os alunos do Colégio Recriando, do Rio de Janeiro, foram melhores e venceram o jogo por 37 a 14.

Foto: Paulo Pestana

Com a vitória, o professor Anderson Jesus, técnico da equipe carioca, não escondeu a emoção pela medalha de ouro conquistada.

– Em primeiro lugar é preciso reconhecer a qualidade técnica da equipe paraibana. Fizemos um jogo de igual para igual e conquistamos essa vitória importante para a nossa equipe. Quero agradecer aos pais, aos nossos atletas e aos alunos do nosso colégio que torceram e nos incentivaram a chegarmos aqui.

Com a medalha conquistada, os estudantes premiados na Série Bronze, voltam para casa não só com o prêmio, mas com a bagagem cheia de conhecimentos e boas histórias para contar.

Ascom – Confederação Jogo do flamengo hojeeira do Desporto Escolar